booked.net

Latam retoma 90% da oferta doméstica e reabre 15 rotas nacionais

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on telegram
Share on email
Share on print

Com a desaceleração da pandemia de Covid-19, doença causada pelo novo coronavírus, a aviação comercial começa a aquecer o setor. Um dos exemplos disso é a maior oferta de voos e destinos.

Nesta quinta-feira (11), a Latam anunciou que retoma no Brasil quase 90% da sua oferta doméstica de assentos em comparação com novembro de 2019 — período anterior à pandemia.

Ao todo, são 541 voos nacionais diários da Latam. Segundo a companhia, o incremento possibilitará o fortalecimento da malha aérea brasileira para atender a chegada da demanda da alta temporada 2021-2022.

A Latam tem voos regulares para 47 destinos no país, incluindo as inaugurações de operações aéreas em Juazeiro do Norte (CE) e Petrolina (PE).

A companhia confirmou que está reabrindo mais 15 rotas nacionais: Belém-Macapá, Porto Seguro-Brasília, Brasília-Foz do Iguaçu, Brasília-Navegantes, Brasília-Palmas, Brasília-Uberlândia, Belo Horizonte/Confins-Fortaleza, Curitiba-Rio de Janeiro/Santos Dumont, Fortaleza-Maceió, Fortaleza-Natal, Fortaleza-Recife, Fortaleza-São Luís, Fortaleza-Salvador, Manaus-Porto Velho e São Luís-Teresina.

Do Brasil para o exterior, a Latam retoma neste mês até 32% da sua oferta internacional de assentos em relação a novembro de 2019, com voos já restabelecidos para 16 destinos.

“Agora, no início de novembro, a companhia retomou as rotas São Paulo/Guarulhos-Barcelona e Rio de Janeiro/Galeão-Santiago, que se somam às rotas que já haviam sido retomadas anteriormente de São Paulo/Guarulhos para Buenos Aires/Aeroparque, Buenos Aires/Internacional, Assunção, Bogotá, Paris, Frankfurt, Nova Iorque, Lima, Lisboa, Madri, Mendoza, México, Miami, Montevidéu e Santiago”, informa, em nota.

Diogo Elias, diretor de Vendas e Marketing da Latam Brasil, explica que no mercado internacional, a retomada é menos acelerada e depende do processo de reabertura dos países

“Chegaremos ao fim do ano prontos para atender a alta temporada de viagens no Brasil. Isso acontece porque estamos muito atentos à retomada da demanda. Também porque alcançamos um nível de eficiência operacional que nos permite voar no Brasil para mais aeroportos do que antes da pandemia”, comemora.

Ao todo, a Latam deve operar neste mês 1.091 voos diários (domésticos e internacionais) para 125 destinos em 16 países.

Voos para EUA

A Gol Linhas Aéreas retomará os voos diretos para os Estados Unidos a partir do Aeroporto Internacional de Brasília em maio de 2022. As linhas aéreas conectarão a capital do país a Orlando (MCO) e Miami (MIA), no estado da Flórida.

Os voos de Orlando voltam a partir de 13 de maio, os de Miami em 17 de maio. Os dois destinos foram suspensos em março de 2020 devido à razão da pandemia. Pela Gol, ambos os destinos vão receber quatro saídas semanais de ida e volta.

*Com informações do Metrópoles
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on telegram
Share on email
Share on print

Siga-nos no Facebook

Publicidade

Últimas Notícias