Search
booked.net

Em Manaus, ministro Teich anuncia reforço para o Amazonas com a contratação de 267 profissionais da saúde

O ministro da Justiça, Nelson Teich, desembarcou em Manaus na tarde deste domingo (3) com um reforço de 267 profissionais para reforçar o combate ao novo coronavírus no Estado.
O reforço federal foi contratado dentro do programa “O Brasil Conta Comigo”. Quase todos são de Manaus 1 —os 31 profissionais de fora da cidade chegam junto com a comitiva de Teich. A contratação destes profissionais é temporária, por até seis meses, e remunerada de acordo com o salário base de cada categoria.
São 37 médicos, 118 enfermeiros, 57 técnicos em enfermagem, 26 fisioterapeutas, 12 farmacêuticos e 17 biomédicos. Estes profissionais se inscreveram na ação estratégica “O Brasil Conta Comigo”, que está cadastrando e capacitando profissionais, residentes e estudantes da área de saúde de todo o país, de acordo com o MS, para atuarem no atendimento à população diante da pandemia de coronavírus, em apoio aos Estados e municípios que mais precisam.

Atuação no Interior

 

Além de Manaus, eles atuarão em Tabatinga, Itacoatiara e Manacaparu. Dos 6.683 casos confirmados até este domingo (03), 39,07% estão no interior, onde o atendimento é mais precário —só a capital dispõe de UTI, em um Estado cujo território equivale à soma das regiões Sul e Sudeste.
A chegada de Teich coincide com mais um novo recorde de novos casos confirmados em 24h, 621 registros neste domingo (3). O total de mortos chega a 548, e 1.901 se recuperaram da doença no Amazonas.
Em abril, os cemitérios públicos de Manaus registraram 2.435 sepultamentos, um aumento de 179,5% em relação ao mesmo período do ano passado. Parte desses enterros ocorreu em valas comuns, cujas imagens rodaram o mundo.
Dos 985 sepultamentos entre os dias 23 e 30, o período de pico, menos de 10% tinham o coronavírus como a causa de morte, indicando uma grande subnotificação.

Agenda

De acordo com o jornal Folha de São Paulo, o ministro Teich também deve tratar da abertura, em Manaus, de um hospital de campanha para a população indígena. Trata-se de uma promessa do seu antecessor, Luiz Henrique Mandetta.
Nesta segunda-feira (4), o ministro Teich e o general Pazuello devem visitar serviços de saúde, como o Hospital Delphina Rinaldi Abdel Azir, o Hospital de Campanha Municipal e o Hospital de Retaguarda Nilton Lins. Na agenda também está prevista ainda visita às instalações do Comando Militar da Amazônia.

Entre no nosso Grupo no WhatsApp

Antes de ir, que tal se atualizar com as notícias mais importantes do dia? Acesse o WhatsApp do Portal Dia a Dia Notícia e acompanhe o que está acontecendo no Amazonas e no mundo com apenas um clique

Você pode escolher qualquer um dos grupos, se um grupo tiver cheio, escolha outro grupo.