Search
booked.net

Após anunciar demissão, Bolsonaro faz coronel Menezes dar tom de saída “a pedido”

Coronel Alfredo Menezes anuncia quatro superintendentes adjuntos, sendo três deles militares

O coronel Alfredo Menezes anunciou nesta quarta-feira, dia 3, que pediu exoneração da Superintendência da Zona Franca de Manaus (Suframa). Menezes afirmou, em nota enviada à imprensa, que deixa o cargo, a pedido, depois de cumprir a “missão de proteção à Amazônia brasileira”. Ele permaneceu no cargo apenas um ano e três meses.

Na nota, Menezes cita, ainda, que o pedido de exoneração é de caráter pessoal e não deu muitos detalhes do que aconteceu. Entretanto, nota do site O Antagonista diz que a saída foi uma exigência de parlamentares do chamado ‘centrão’, que negociam cargos em troca de apoio ao presidente Jair Bolsonaro no Congresso Nacional.

A passagem do militar pelo cargo foi cercada de muita polêmica. O Ministério Público Federal (MPF) chegou a instaurar procedimento para apurar denúncia de improbidade administrativa na Superintendência da Zona Franca de Manaus após o deputado federal Marcelo Ramos (PL) apresentar denúncia de contratação sem licitação feita pelo superintendente da Suframa, coronel Alfredo Menezes. O parlamentar acusa o presidente da autarquia de contratar irregularmente uma empresa para serviços de manutenção.

O coronel Alfredo Menezes, filiado ao PSL, mesmo partido do presidente Jair Bolsonaro, assumiu a Suframa em fevereiro de 2019.

Há informações de que ele será substituído pelo general Algacir Polsin, atual chefe do Centro de Coordenação de Operações do Comando Militar da Amazônia.

Veja a carta completa:

“Quero me dirigir à sociedade amazonense informando que na data de hoje (03/06/2020) finalizo, a pedido, mais uma honrosa missão de proteção à Amazônia brasileira.

Quando assumi a Superintendência da Zona Franca de Manaus, em 18/02/2019, passei a defender e proteger não só a Zona Franca de Manaus, mas todos os Estados de atuação da Suframa, com a política de incentivos fiscais para atração de investimentos.

Ao finalizar esta missão com o pedido de exoneração (abaixo) do cargo de Superintendente, deixo o cargo com o mais nobre agradecimento ao presidente da República, que me confiou tamanha honraria profissional.

Agradeço ao ministro da Economia, Paulo Guedes, e ao secretário Especial de Produtividade, Emprego e Competitividade, Carlos da Costa, pelas orientações seguras que recebi e aos empresários do setor industrial, comercial e agropecuário, com os quais juntos procuramos avançar com a implementação de ações institucionais concretas capazes de tornar nosso modelo da ZFM o melhor ambiente de negócios.

No mais, quero ratificar meu profundo respeito a todos os colaboradores e servidores do governo federal que de forma direta e indireta, contribuíram decisivamente para o êxito desta gestão à frente da Suframa.

Por fim, agradeço especialmente a minha família que sempre esteve ao meu lado e que tem sido o esteio para o enfrentamento de novos desafios que podem advir, para quem jamais deixou de cumprir a missão de contribuir para o desenvolvimento econômico do Estado do Amazonas.

SELVA!”

Alfredo Menezes

Entre no nosso Grupo no WhatsApp

Antes de ir, que tal se atualizar com as notícias mais importantes do dia? Acesse o WhatsApp do Portal Dia a Dia Notícia e acompanhe o que está acontecendo no Amazonas e no mundo com apenas um clique

Você pode escolher qualquer um dos grupos, se um grupo tiver cheio, escolha outro grupo.